29 janeiro 2008

Piquenique na Mata Atlântica


Na última semana das férias fomos ao Parque Nacional aqui em Teresópolis para fazer um piquenique. Enchemos a cesta com algumas delícias para fazer um almoço na floresta. Para qualquer passeio com as crianças sempre levo pacotes de biscoitos e caixinhas de suco. Mas nessa aventura não dependi somente das conveniências modernas para alimentar a familia. Preparei um almoço verdadeiro para curtir ao ar livre. Fiz pratos simples, que todo mundo gosta e que são especialmente gostosos a comer al fresco.



Levamos um terrine de chevre com berinjela e pimentão, tiras de peito de frango empanadas e salada de orzo com pesto de rúcula e coentro. Eu e meu marido tomamos um sauvignon blanc gelado e as crianças tomaram suco. Para sobremesa comemos cream cheese brownies.

A cesta cheia da comida, os talheres, os pratos de cerâmica, as taças de vidro deixou tudo, vamos dizer... meio pesado. Felizmente as meses de piquenique não ficam longe do estacionamento. Não recomendo levar este tipo de piquenique na trilha. Montei o nosso almoço enquanto as crianças corriam o circuito em volta da piscina natural do parque.

O Parque Nacional Serra do Órgãos em Teresópolis, o famoso lar do Dedo de Deus, é uma maravilha para visitar. Para conhecer de perto a beleza da Mata Atlântica existem várias trilhas para todos os níveis de habilidade. Lá encontramos os habitas de animais típicos da região como o macaco prego, o muriqui, o quati, o jaguartirica, além de muitas outras espécies. Uma das trilhas leva o visitante até o topo do pico mais alto do estado de Rio de Janeiro, a Pedra do Sino. Para quem procura um programa menos cansativo, o parque oferece lugares para descansar e curtir a natureza em volta. Esse que era o nosso objetivo naquele dia.



No dia anterior preparei os pratos. As tiras de frango realmente não têm mistério. Por isso não vou incluir uma receita. Somente temperei a tiras de peito de frango com sal, pimenta do reino preto e uma pitadinha de pimenta cayenne. Passei cada tira na farinha de mandioca e as fritei em óleo de canola. Depois de dourar os dois lados, as sequei na toalha de papel. Esse frango é o favorito dos meus filhos. Faço toda hora. Raramente compro os nuggets industrializados e as crianças até preferem "os nuggets da mamãe" como são chamados em casa. Como todo frango frito, acho que fica mais gostoso comer frio no dia seguinte.


A terrine é a comida ideal para um piquenique. É uma combinação de sabores em forma de bloco. Altamente móvel e fatiável! Para essa terrine usei um chevre tipo frescal. É um queijo minas feito de queijo de cabra. Ele tem a mesma textura de um feta, mas é menos azedo. Pode substituir com outro chevre não curado, feta, ou outro queijo frescal com textura seca. Você pode improvisar uma terrine usando os ingredientes da época. Você pode montar uma terrine de legumes, peixe, frango, frutas, etc... usando as técnicas dessa receita. Eu escolhi a berinjela e o pimentão por que são especialmente bons neste final de verão.

Terrine de Berinjela, Pimentão Vermelho e Chevre
2 pimentões vermelhos, sem pele e sem sementes
1 berinjela pequena, descascada e cortada em cubos pequenos
2 dentes de alho, descascados e picados
azeite
1 colher de sopa de vinho branco seco
2 tomates fatiado em rodelas
200 g chevre
folhas de manjericão (ou outras ervas você desejar)
sal
pimenta do reino preta moída na hora

Monte esta terrine numa cassarola funda de cerâmica ou numa forma retangular, o tipo de forma para fazer bolo inglês. Esta receita não rende uma terrine muito grande então não use uma forma muito grande. Uma forma menor e mais estreita vai formar uma terrine alta e bonita. Você vai precisar fazer uma tampa de papelão da forma que você escolheu. Então, antes de começar montar a terrine, faça um desenho num papelão, contornando a boca da forma. Recorte o desenho. Esse pedaço deve ser o mesmo tamanho da boca da forma.

Para tirar a pele dos pimentões, eu gosto de colocá-las diretamente na chama do fogão. Vire os pimentões até a pele fica completamente preta. Transfira os pimentões para um saco plástico. Deixe as resfriaram no saco por 5 minutos. Depois, esfregue os pimentões dentro do saco para que a pele queimada se solte da carne do pimentão. Retire os pimentões e raspe pele que ficou do superfície. Abre cada pimentão com uma faca e retire as sementes e os nervos de dentro. Reserve.

Numa frigideira refogue o alho com azeite. Adicione a berinjela e continue refogando um minuto. Tampe a frigideira e abaixe o fogo. Tempere com sal e pimenta do reino. Cozinhe a berinjela e alho mais um pouco até a berinjela começar ficar murcha. Retire a tampa e adicione o vinho para deglacer a frigideira. Reserve.

Numa tijela, misture o chevre com azeite, sal e pimenta do reino. Pique as folhas de manjericão
e adicione ao chevre. Com um garfo amasse a mistura até ficar uniforme. Reserve.

Forre a forma ou cassarola com filme plástico deixando bastante plástico sobrando para embrulhar a terrine.

Forre o fundo (por cima do plástico) com uma camada de pimentão. Depois coloque com uma camada usando metade da berinjela. Pressione cada camada com a palma da mão para que a terrine fique compacta. Por cima da berinjela coloque uma camada de rodelas de tomate. Por cima do tomate coloque toda a mistura de chevre. Por cima do chevre faça mais uma camada de tomate. Por cima do tomate, coloque o restante da berinjela. Por cima de tudo coloque o pimentão vermelho. Dobre o plástico para cobrir a terrine.

Coloque o pedaço de papelão por cima da terrine. Guarde a terrine na geladeira. Por cima do papelão ponha um objeto pesado para firmar as camadas. Eu usei uma garrafa cheia de 2 litros de refrigerante, mas use o que tiver em casa como garrafas, latas ou até um saco de arroz. A terrine deve ficar na geladeira pelo menos 4 horas antes de servir. Para servir, transfira a terrine para uma travessa ou tábua. Para o piquenique transferi a terrine para uma folha de papel manteiga e embrulhei dentro de um saco plástico. Fatie com uma faca afiada.



A salada de macarrão também é uma comida ideal para se levar num piquenique. Evito levar qualquer prato de maionese por causa do perigo de estragar no calor do dia. Essa salada de macarrão é feita com um pesto à base de azeite. É um prato excelente servido quente, gelado ou morno.

A massa que usei para a salada é o riso. É um macarrão parecido com um grão de arroz. Uso também o orzo, que é um pouco maior do que riso, ou o rosmarino que é um pouquinho maior ainda. Essa massa é excelente para salada de macarrão por que o molho se gruda perfeitamente nela.

Salada de Orzo com Pesto de Rúcula e Coentro
500g massa (orzo, riso ou rosmarino)
1 molho de rúcula
1 molho de coentro
3 dentes de alho, assados
1/4 xícara de um bom azeite, e mais um pouco para despejar no macarrão
2 colheres de sopa de vinho branco seco
sal
pimenta do reino moída na hora
uma pitada de pimenta cayenne
1/2 xícara de queijo parmesão ralado fino
tomates cereja, se desejar

Cozinhe a massa seguindo as instruções da embalagem. Escorra-a e transfira-a para uma vasilha grande. Regue com um fio de azeite por cima. Misture para que toda a massa entre em contato com o azeite. Tampe e reserve. Lave e seque bem a rúcula e o coentro. Separe somente as folhas para fazer o pesto. Pode guardar os talos para colocar num caldo de galinha.
Num processador bata o alho assado, as folhas de rúcula e coentro. Adicione o azeite e o vinho branco. Bata mais um pouco até a mistura ficar aveludada e muito verde. Despeje o molho por cima da massa. Tempere com sal, pimenta do reino moída na hora e a pimenta cayenne. Rale o queijo parmesão por cima da mistura. Se desejar, parta alguns tomates cereja ao meio e coloque-os na salada. Misture bem e sirva com mais queijo ralado por cima.



A sobremesa do nosso piquenique foi brownie de cream cheese. É um brownie simples com uma camada de cream cheese fortalecido com ovos, açucar e cointreau! Para fazê-lo, prepare a receita básica de brownies. Recomendo fazer numa forma maior (como um pirex retangular) para acomodar a segunda camada. Faça a seguinte mistura:

1 pacote 220g cream cheese, temperatura ambiental
70g de açucar
1 colher de chá cointreau (ou outro liquor)
1 ovo

Despeje quase toda a massa de brownie na forma untada, reservando uma xícara de massa. Despeje a mistura de cream cheese por cima da massa de brownie. Por cima da mistura de cream cheese despeje o restante da massa de brownie. Com um palito misture um pouco as duas massas. Asse como na receita de brownie comum. Este brownie é tão gostoso e rico como o original, so que tem uma outra dimensão. Fica cremoso e meio azedinho como um cheese cake enquanto o cointreau acentua o sabor do chocolate.

Satisfeitos com nosso banquete na floresta, juntamos tudo dentro da toalha de mesa e guardamos no carro. Pegamos uma trilha bem leve, somente para ajudar a digestão e curtir a natureza.

Para quem está visitando o Rio de Janeiro, recomendo uma visita ao Parque Nacional Serra dos Órgãos, com ou sem cesta de piquenique. Também, recomendo para todos, sair da rotina e fazer um piquenique com a família. Faça pratos que todo mundo gosta, e leve lá fora, ainda que seja no próprio quintal. A comida tem outro gosto ao ar livre de baixo do céu azul.

Para mais informações sobre o Parque Nacional Serra dos Órgãos em Teresópolis, Rio de Janeiro visite http://www.ibama.gov.br/parnaso/

2 comentários:

  1. Suzie que delicia de passeio!!!

    adorei as fotos, a historia e principalmente as sugestões apresentadas!!que mararvilha tudo!!!

    não tinha como nao ser prazeroso com um caradpio desses!!

    bjs

    ResponderExcluir
  2. Suzie, já tentei postar alguns comentários aqui e não consegui... Nova tentativa.
    Só para dizer que seu blog é uma graça e que esse piquenique é invejável. Bjs.

    ResponderExcluir

O seus comentários são sempre bem vindos.