07 dezembro 2011

Bûche de Noël

Follow Me on Pinterest


Achei essa foto de um Bûche de Noël ou Lenha de Natal que fiz alguns anos atrás para servir na noite de Natal.  Foi um sucesso!  É um rocambole doce, típico das mesas natalinas na França, feito no formato de um tronco de árvore ou pedaço de lenha.  Aqui eu fiz como o tronco tivesse caído já algum tempo no chão da floresta, brotou alguns cogumelos de suspiro, e sofreu uma recém nevasca de açúcar de confeiteiro.

Dizem que o Bûche de Noël é um vestígio dos festivais de fogo, celebrações antigos do soltíçio do inverno. O tronco nós dará o fogo: luz e calor durante as noites mais longas e frias do ano.  É um mito pagano enrolado em ganache.  O Bûche de Noël é uma desculpa para fazer uma sobremesa deliciosamente festiva que serve como um enfeite comestível.   Para mim é uma oportunidade de soltar a criatividade e comer chocolate no Natal!

O bolo é uma esponja de chocolate, recheado com creme de leite fresco misturado com cacau e açúcar, e coberto com uma camada de ganache.  Os cogumelos são suspiros de meringue italiano colados com ganache e povilhados com cacau.  A montagem toda é enfeitada com ramos de alecrim e povilhada com açúcar de confeiteiro.  O Bûche de Noël não é difícil fazer, e você pode prepará-lo com antecedência deixando no freezer até a hora de enfeitar a mesa.

Bûche de Noël (Lenha de Natal)
para 10 pessoas

Ingredientes:

para o bolo
4 ovos
1 xícara (200g) de açúcar
1/3 xícara (100ml) de leite
1 colher de chá de baunilha
3/4 xícara (100g) de farinha de trigo comum
1/4 xícara (50g) de cacau em pó
1 colher de chá de fermento químico
1/4 colher de chá de sal
açúcar de confeiteiro para povilhar 

para o recheio
500g de creme de leite fresco
1/4 xícara (50g) de cacau em pó
1/2 xícara (100g) de açúcar de confeiteiro

para a cobertura
200g de chocolate meio amargo
100ml de creme de leite

para os cogumelos (meringue italiano)
2 claras
3/4 xícara (125g)de açúcar
1/4 xícara (50ml) de água


mais ganache para a montagem
100g de chocolate meio amargo
50ml creme de leite


Modo de preparar:

1. Para o bolo, pré-aqueça o forno médio (190C graus).  Forre uma assadeira retângular (aproximadamente 40cm x 25cm) com papel manteiga untada com gordura vegetal.
2.   Numa vasilha, combine a farinha de trigo, cacau, fermento químico e o sal. 
3.  Numa batedeira na velocidade alta, bata os ovos durante 5 minutos, ou até grossos e bem amarelos.  Depois, adicione o açúcar aos poucos.  Numa velocidade reduzida, adicione o leite e baunilha.
4.  Aos poucos, adicione a mistura de farinha e cacau.  Bata mais um pouco na velocidade reduzida somente para fazer uma massa lisa.
5. Coloque a massa na assadeira e espalhe-a até os cantos.  Bata levemente a assadeira no balcão para fazer a massa ficar nível e bem espalhada.
6. Asse durante 12 a 15 minutos.  Enquanto o bolo está assadando, estique uma toalha limpa no balcão.  Povilhe a toalha com açúcar de confeiteiro.
7. Depois de assar, remove o bolo do forno, e imediatamente retire da assadeira virando-o por cima da toalha povilhada. Remove o papel manteiga.  Recorte as beiradas duras do bolo.  Enrole na toalha pela ponta mais estreita.  Deixe esfriar durante 40 minutos.
8. Para o recheio, bata o creme de leite fresco formar chantilly.  Adicione o cacau e o açúcar de confeiteiro penerados.
9. Para rechear, desenrole o bolo frio e retirar a toalha.  Espalhe o recheio no bolo deixando uma margen nos quatro lados.  Enrole, novamente o bolo com filme plástico e coloque na geladeira até a hora de cobrir com ganache.
10.  Prepare a cobertura do bolo, derretendo o chocolate num banho-maria ou no microondas.  Depois de derreter, remove o chocolat do calor e adicione o creme de leite, misturando até formar uma mistura lisa e brilhante.
11. Remove o bolo da geladeira, e espalhe a cobertura cobrindo-o totalmente.  Faça uns riscos com um garfo ou uma faca para criar um efeito de casca de árvoreUse a sua criatividade!  Devolve o bolo rechado à geldeira ou freezer até a hora de servir. 
12.  Prepare os cogumelos, fazendo um meringue italiano.  Numa batedeira, bata as claras até formas picos moles.  Enquanto isso, cozinhe a água e açúcar numa panela, misturando até o açúcar derreter.  O açucar já derretido, pare de mexer a mistura. Cozinhe até chegar ao ponto de "bola mole" ou seja 130C graus se tiver um termómetro).  Cuidado não queimar.  Com a batedeira rodando numa velocidade baixa, adicione a mistura de açúcar às claras.  Bata durante, pelo menos, 5 minutos para que a mistura esfrie.
13.  Pré-aqueça o forno baixo (110C graus).  Forre uma assadeira com papel manteiga.
14.  Para fazer os cogumelos, coloque o meringue italiano num saco de confeitar com bico grande e redondo.  Faça formas redondas, gordas e baixas para as cabeças dos cogumelos, e cones mais finos e altos para os cabos.  Faça um numero igual de cabeças e cabos.  Asse durante uma hora, ou até os suspiros ficam secos, levemente dourados e soltam facilmente do papel manteiga.
15.  Pode fazer o bolo recheado e coberto, e os suspiros com antecedência.  Congele tudo até o dia de servir o Bûche de Noël.
16.  Para montar:  prepare o prato em que pretender servir o Bûche de Noël.  Arrume qualquer enfeite de ramos de alecrim, pinheiro, etc... Povilhe o prato com um pouco de açúcar de confeiteiro.  Com uma faca boa, corte o tronco num ângulo, quase no meio.  Faça mais uma corte paralelo, retirando uma fatia diagonal do meio do tronco.  Cole essa fatia com ganache num dos troncos, para que pareça um galho podado.  Arrume os dois pedaços de tronco colando no prato com mais ganache.
17. Para os montar cogumelos, faça um buraco pequeno no fundo de cada cabeça.  Enfie um cabo no buraco da cabeça, colando as peças com mais ganache.  Povilhe os cogumelos com um pouco de cacau.  Cole cada cogumenlo no prato e no tronco usando mais ganache. Use o ganache para esconder qualquer erro.  (É delicioso e tapa tudo!)  Arrume mais ramos de alecrim ou pinheiro ao seu gosto.  Povilhe o arranjo todo com açucar de confeiteiro e sirva.

anotações: Aqui no Brasil, Natal cai em pleno verão.  Não tem nada a ver com neve e frio!  O bolo é recheado com creme de leite e não pode ficar muito quente, se não derretirá logo.  Seria uma pena deixar a sua criação guardado na geladeira durante a festa onde ninguem verá-la. Terão a chance somente de olhar durante alguns segundos, "mmm, que lindo," fatiá-lo e comé-lo.  Acabou!  A ideia é de deixar o Bûche de Noël na mesa como enfeite na noite de Natal. A solução: congele o arranjo!  Retire um pouco antes dos convidados chegarem.  Povilhe com açucar de confeiteiro somente na hora de colocar na mesa.  Assim o seu Bûche de Noël participará da sua festa também.  

Claro, pode substituir o recheio para algum recheio que não derreta, como um meringue ou baba de moça, etc...  Acho legal e até mais prático, mas não tão gostoso como o de creme de leite fresco.  Como sempre, segue as suas sensibilidades.

Feliz Natal!

2 comentários:

  1. Ismael Fernando Schubert7 de dezembro de 2011 10:13

    Olá Suzie. To até agora babando e já pensando em como posso fazer essa maravilha para o natal pra minha família!

    Mas fiquei com algumas dúvidas.
    A colher de chá de baunilha é Açucar, essencia ou fava?

    Para fazer o "telhado" dos cogumelos, esta forma redonda que você fala seria espremer o merengue (que está no saco) contra a forma e formar um circulo gordo. Certo?

    Se tiveres como responder no meu email, eu agradeço.
    ismael.schubert@gmail.com
    Feliz Natal.

    ResponderExcluir
  2. Oi Ismael,
    Obrigada pelo comentário. Que bom você gostou! Vou esclarecer. Tem razão, não é muito claro.
    1. A baunilha é essência. Se tiver da fava ainda melhor, mas, não precisa tanto. Use 1/2 fava. Achei que o açúcar perfumado de baunilha não vai temperar suficientemente a receita. Para essa receita que é dominada pelo sabor de chocolate guardaria a fava de baunilha para uma receita que realmente destaca o sabor de baunilha. Em vez de gastar na fava, gaste num chocolate de qualidade.
    2. Para fazer o telhado do cogumelo, coloque o merengue no saco de confeitar. Para os telhados, você vai fazer um domo, um semicirculo, com o saco de confeitar. O bico do saco nem vai tocar no papel de manteiga. Você vai levemente espremer uma forma redonda, gorda e baixa. Por outro lado, para fazer os cabos, você faria a mesma coisa só que espreme menos meringue fazendo uma forma mais estreita e alta. Experimente. Se não dê certo, raspe o meringue do papel manteiga e jogue de volta no saco do confeitar. Cogumelos são fomas orgânicas, cada um diferente do outro, que nem flocos de neve. Não se preocupe, não existe resposta certa!
    Boa sorte!

    ResponderExcluir

O seus comentários são sempre bem vindos.